Foto: Dia Mundial da Música Celebrado na UTAD
[Imprimir]
A 1 de outubro celebra-se mundialmente a Música e a UTAD assinalou esta data de forma muito original, com a participação do músico experimentador Bitocas Fernandes e com diversas iniciativas que homenagearam esta expressão de arte.
Vários locais do campus transformaram-se em espaços de improvisação musical, através de jogos lúdicos, orquestras improvisadas, em interação com as audiências que “tocaram” materiais de cozinha, ferramentas e peças de madeira, instrumentos improvisados, que proporcionaram experiências orientadas pelo músico convidado.
No auditório de Geociências da UTAD decorreu a apresentação de documentários sobre experiências musicais singulares: o filme “Calado Não Dá”, de João Nicolau, que apresenta o trabalho do cabo-verdiano Esperança Mano Mendi, “o último tocador de Cimboa”; e o filme “Alto do Minho”, de Miguel Filgueiras, que mostra os diversos matizes musicais da região do Alto Minho.
Numa altura em que decorre a candidatura do Cante Alentejano a Património Mundial da UNESCO, este foi também alvo de homenagem através da exibição do filme “Alentejo, Alentejo”, de Sérgio Tréfaut no restaurante Panorâmico da UTAD, que disponibilizou um menu especial para que os participantes pudessem acompanhar a visualização do filme enquanto experimentavam a gastronomia alentejana.
Alunos, docentes, trabalhadores e visitantes puderam assim assinalar e celebrar de múltiplas formas o Dia Mundial da Música, uma iniciativa pensada e organizada pelo Grupo de Missão da Cultura da UTAD.