Foto: Águia
[Imprimir]

No dia 11 de Março de 2015 foram devolvidas à Natureza duas corujas-do-mato (Strix aluco), adultas, em Vilar de Maçada (concelho de Alijó).

Os dois indivíduos, provavelmente um casal, foram encontrados no campo por um particular, incapazes de voar. Quando chegaram ao CRAS-HVUTAD tinham sinais de inalação de fumo, apresentando dificuldades respiratórias. Responderam bem à terapia efetuada e puderam ser devolvidas à Natureza num breve espaço de tempo.
No dia 17 de Fevereiro de 2015 foi devolvida à Natureza uma gineta (Genetta genetta), recuperada no CRAS-HVUTAD. `
Este animal foi encontrado muito debilitado, com vários ferimentos compatíveis com ataque por outro animal e com uma grave atrofia muscular. O seu processo de recuperação incluiu tratamento das lesões, fisioterapia e treino de caça e musculação. A sua recuperação foi acompanhada através de videovigilância, minimizando sempre que possível o contacto com humanos.
Foi devolvida à Natureza por membros do SEPNA-GNR de Vila Real, que a encaminhou até ao CRAS.
No dia 18 de março de 2015 foi devolvido à natureza um Grifo (Gyps fulvus) no Penedo Durão – Freixo de Espada à Cinta.
Este animal deu entrada em setembro de 2014 com fratura de fémur e úmero direitos, bastante debilitado. Foi submetido a cirurgias e após um longo processo de recuperação foi devolvido à Natureza na presença dos vigilantes do Parque Natural do Douro Internacional, que o fizeram chegar até nós quando estava ferido.
No dia 20 de Março de 2015 foi devolvida à Natureza uma águia-de-asa-redonda (Buteo buteo) em Parada de Aguiar, Vila Pouca de Aguiar.
Este animal deu entrada no CRAS em Janeiro de 2015 com fratura de quilha e algumas alterações oftalmológicas. O seu processo de recuperação consistiu em tratamento de suporte, alimentação adequada e treino de voo e caça, com indivíduos da mesma espécie.
Foi devolvida à Natureza na presença de alunos e professores da escola de Vila Pouca de Aguiar, dos membros do Clube de Ornitologia AVPA e da SPEA. Esta águia-de-asa-redonda foi batizada de “Aguiar” pelas crianças presentes.