[Imprimir]
Foi celebrado um Protocolo de parceria “Floresta Comum”, que têm como parceiros a QUERCUS, o Instituto de Conservação da Natureza e Floresta, o Município de Vale de Cambra e a UTAD, que integrou este projeto pelas suas competências e domínio na área florestal.
A parceria visa promover e apoiar ações de produção e arborização com espécies florestais autóctones no território nacional e foi integrada nas Comemorações do Dia Internacional da Floresta, numa iniciativa do Município de Vale de Cambra.
Nascido em 2012, o projeto  “Floresta Comum” cria árvores autóctones nos viveiros do Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas para “distribuição gratuita pelos municípios”.
Estes eventos contaram com a presença da Ministra da Agricultura e do Mar, Assunção Cristas e com o envolvimento de parceiros ao nível nacional e regional, designadamente a AMP, o ICNF, a QUERCUS, o CRE-Porto, entre outros.