[Imprimir]

A UTAD realizou, entre os dias 11 e 21 de maio, o II Festival Internacional de Teatro e Artes Performativas da Lusofonia juntamente com o I Congresso Internacional de Artes e Comunicação, dois eventos que reuniram muitos atores e estudantes de teatro, bem como especialistas nas áreas da comunicação e artes.

 
O festival, apadrinhado pelo conhecido ator Vitor Norte, arrancou no dia 11 com uma homenagem que toda a organização, patrocinadores e público lhe prestaram, no grande auditório do Teatro de Vila Real, a que se seguiu uma representação cénica de grande qualidade pelos alunos, monitorada por docentes do curso de Teatro de Artes Performativas.
Ponto alto do festival foi, também, a homenagem prestada à atriz Eunice Muñoz, no dia 15 de maio, com o espetáculo de dança “As Borboletas”, numa parceria internacional entre a Prefeitura de Sete Lagoas / Brasil e o Curso de Teatro da UTAD.
Ao longo dos dez dias do Festival estiveram em palco espetáculos e performances de artistas de vários países do universo lusófono como Angola, Cabo Verde, Brasil e Portugal, sendo dada, igualmente, visibilidade a espetáculos e performances dos alunos do curso de Teatro e Artes Performativas da UTAD e do Mestrado em Ensino de Teatro.
Sob a mesma organização e, em paralelo, o I Congresso Internacional de Artes e Comunicação ocupou os dias 18, 19 e 20, no auditório da Biblioteca Central.
A conjugação deste congresso com o festival pretendeu consolidar a relação entre as artes e a comunicação, uma preocupação que ficou clara na generalidade das palestras e debates realizados. Ao todo, foram cerca de quatro dezenas de comunicações de especialistas deste domínio de estudos, oriundos da Turquia, Cabo Verde, Brasil, Portugal, Espanha, Angola e Colômbia.