[Imprimir]
O aluno de mestrado em Ciências da Comunicação da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD), José Paulo Santos, autor do filme “Além da sala de espera”, acaba de ser selecionado para a 8ª Edição do Festival Internacional de Cinema de Turismo que vai decorrer de 21 a 23 de Outubro, no Porto.
O jovem realizador, natural de Coimbra, marca assim posição neste Festival, ao qual competiram 256 candidaturas de 54 países, e o seu filme, por decisão do júri de seleção, ficou nomeado para o Prémio ART&TUR, na categoria de “Vida humana, pessoas e lugares”.
Refira-se que este filme retrata a vida singular de um casal de eremitas alemães, radicado na pequena aldeia de Moçães, nos subúrbios de Vila Real. Deixaram os nomes de baptismo no país de onde saíram há três décadas, e adotaram os de “Maria Feliz”, ela, e “Feliz”, ele. Vivem, em modo auto-sustentado, alimentando-se do que produzem na proximidade com a natureza. A opção de vida é a pobreza, mas consideram-na uma “forma de pensamento elevado” Cultivam e promovem a medicina popular sob inspiração dos ensinamentos de Santa Hildegara, abadessa beneditina alemã dos primórdios da Idade Média.