Foto: Estudantes de Comunicação e Multimédia da UTAD estão nomeados para os Prémios Sophia Estudante
[Imprimir]

No dia 11 de setembro, no âmbito da Ciência Viva no verão, foram muitos aqueles que partiram numa “viagem” de (re)descoberta das “Minas de Murçós”.

Este dia ficou, ainda, marcado pelo final das gravações para o Documentário “O Complexo Mineiro de Murçós”, culminar do projeto que o Geopark Terras de Cavaleiros, em parceria com a Universidade de Trás-Os-Montes e Alto Douro, têm desenvolvido, ao longo dos últimos meses, naquela aldeia do concelho de Macedo de Cavaleiros.
Um projeto que nasceu da aspiração em fazer a reversão das perdas das memórias e experiências dos ex-mineiros do Complexo Mineiro de Murçós, procurando preservar um património de incomensurável valor. Um documentário audiovisual que (re)contará uma parte da importante da história do território. Um legado para as gerações vindouras, expresso num retrato que narrará sobre o sentimento de pertença das gentes.
As “Minas de Murçós” são lugares imensos, de uma beleza estonteante e carregados de memórias daqueles que viveram (n)o tempo em que a exploração conhecera momentos áureos.
Mais informação [VER]