Foto: Entrada UTAD
[Imprimir]

A 19 de novembro, pelas 15h30, foi inaugurada a Unidade Experimental de Nutrição Professor Arnaldo Dias da Silva, na UTAD.

Trata-se da reconversão das instalações existentes, construídas em 1980 juntamente com as estruturas de produção animal (vacaria, ovil e novilheiro), que durante 35 anos tiveram um papel relevante na formação académica dos alunos dos cursos de Engenharia Zootécnica e de Medicina Veterinária e também na produção científica dos membros dos departamentos de zootecnia e medicina veterinária, entre outros.

A unidade, agora inaugurada, tem o nome do Professor Emérito Arnaldo Dias da Silva, em homenagem a um dos Professores referência da UTAD que, ao longo do seu trajeto de vida pessoal e profissional, contribuiu para a disseminação do conhecimento da zootecnia em geral, e da nutrição em particular, sendo um grande defensor da manutenção do perfil de engenharia e da designação de “Engenharia Zootécnica”.

Na sessão de inauguração estiveram presentes antigos estudantes, docentes, funcionários e todos os que quiseram participar nesta homenagem. Discursaram os representantes do Departamento de Zootecnia, que organizaram a homenagem, e felicitaram a UTAD, na pessoa do Reitor, António Fontainhas Fernandes, pela requalificação da unidade mas sobretudo pelo “tributo reconhecidamente merecido” a Arnaldo Dias da Silva.

Uma homenagem surpresa e emotiva, em que Arnaldo Dias da Silva afirmou “sabe sempre bem estar de volta à UTAD, casa que ajudei a fundar e de que estou sempre lembrado”.

O Reitor reafirmou, por parte da UTAD, o reconhecimento público pelo mérito de todos aqueles que marcaram a sua história, como é o caso de Arnaldo Dias da Silva. “Trata-se de uma homenagem justa a um dos professores mais emblemáticos desta casa com participação ativa nesta Academia mesmo depois de se ter aposentado. Em nome desta Academia estamos muito gratos”.

A sessão foi  encerrada pelo Presidente da Comissão de Coordenação da Região Norte – CCDRN – Emídio Gomes, antigo aluno de Engenharia Zootécnica da UTAD, que recordou  os tempos de estudante e a relação com colegas, professores e funcionários com quem muito aprendeu e que o “ajudaram a partilhar os valores do trabalho”.

Referindo-se à UTAD, afirmou ainda “em nome do desenvolvimento da região e do país” a ajuda uma das “melhores universidades de Portugal” já que esta, fazendo “aquilo que sempre soube fazer bem pode e deve ter um papel extraordinariamente forte e ativo no desenvolvimento do país”.

A reconversão desta infraestrutura agora denominada “Unidade Experimental de Nutrição Professor Arnaldo Dias da Silva” visa aumentar a visibilidade da UTAD, enquanto universidade e centro de investigação e possibilitar o estabelecimento de parcerias com empresas do sector pecuário e agroalimentar. Estas instalações, a par das estruturas de produção de ruminantes, aves, leporídeos, suínos, apicultura e de piscicultura constituem um dos principais pilares da investigação científica na área da ciência animal.

A Unidade Experimental de Nutrição, foi uma das infraestruturas apoiadas pelo projeto LabForward II – Capacitação e Requalificação de Unidades de Investigação e Desenvolvimento Científico e Tecnológico, com código de operação NORTE-07-0162-FEDER-000138, com o valor 881.420,40€, cofinanciado pelo Programa Operacional Regional do Norte (“ON.2 – O Novo Norte”), do Quadro de Referência Estratégico Nacional (QREN), através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER).