Foto: Luis Lamas Martins
[Imprimir]
Luis Lamas Martins, ex-treinador adjunto no FK Zénit, defendeu a 16 dezembro provas conducentes ao grau de Mestre na Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD), às quais obteve 19 valores, por unanimidade.
O trabalho apresentado com o título “A Didática do Jogo de Futebol: Da Formação ao Alto Rendimento”, orientado pelo docente da UTAD, e também treinador, Vítor Maçãs, abordou o percurso profissional de Luis Lamas Martins no futebol.
Segundo o autor deste trabalho, a didática do jogo, é uma premissa importante da intervenção dos treinadores de futebol em todas as fases de aprendizagem do jogo, pelo que a prescrição dos exercícios de treino (com objetivo de promover melhorias) tem por base um processo de análise fundamentado na realidade jogador vs jogo.
“Pretendemos desenhar uma forma de ensinar o jogador a aprender o jogo, utilizando formatos adaptados ao seu desenvolvimento, pelo que neste trabalho caraterizámos o individuo, o jogador em cada etapa, o jogo e ainda o processo de ensino e aprendizagem (treino)”, afirma o técnico.
Neste sentido, é apresentada uma proposta de Programa de Formação Desportiva, assente em três prossupostos: ensinar progressivamente o jogo; indicar um modelo de jogo adotado e ainda as etapas de formação do praticante.
“Porque ser treinador é essencialmente ser formador, o qual transmite conhecimento. Mas para isso é necessário liderar um processo de ensino aprendizagem, selecionando com critério exigente os conteúdos a utilizar para que se produza saber, e saber fazer nos jogadores”, conclui o autor.
Percurso Profissional
Luis Lamas Martins nasceu em Lisboa em 1963, é licenciado pelo ISEF, Lisboa, opção de Futebol. Iniciou o seu percurso profissional nas camadas jovens no Odivelas Futebol Clube e no Belenenses. No Sporting, onde foi ao longo de quatro anos o treinador dos juvenis, escalão onde chegou a orientar Cristiano Ronaldo, foi campeão nacional na temporada de 2003/04, tendo também sido treinador da equipa de sub-17 e, em 2005/2006, da equipa de sub-19. Foi adjunto de José Peseiro no plantel sénior. Foi treinador principal do Portimonense FC. Em 2010 assume as funções de Selecionador de sub-23 na Arábia Saudita. Em 2011/12 foi campeão nacional no Al Ahli Jeddah e na época de 2012/13 até 2014/15 foi adjunto no Tottenham, de Londres, e no Zenit, de São Petersburgo.