Foto: noticias
[Imprimir]

​No âmbito do Portugal 2020, SIAC – Qualificação, foi aprovada a candidatura “TERR@ENO – Terroir e zonagem agro-ecológica como fator crítico de competitividade e inovação dos Vinhos Verdes”. Participam no projeto a UTAD, enquanto entidade coordenadora, o Instituto Politécnico de Viana de Castelo, e as Adegas cooperativas  de Monção-Melgaço e Ponte de Lima, sub-regiões onde o projeto incidirá.

O projeto procura resolver desafios e problemas identificados pelas Adegas e que  incidem nas seguintes atividades: i) zonagem agro-ecológica e aptidão natural, cultural e económica vitivinícola; ii) desenvolvimento da plataforma colaborativa WEBSIG com sistema de informação territorial; iii) validação da zonagem vitivinícola por especialistas de ecofisiologia, produção, fitossanidade, percepção social e resultados económicos; e iv) divulgação dos resultados da zonagem, capacitação e organização dos agentes.

Os resultados a alcançar são: i) um sistema de informação geográfica com a aptidão e capacidade produtiva das parcelas, para apoio à decisão dos viticultores; ii) a organização e capacitação dos agentes e realização de eventos de promoção, nacionais e internacionais; e iii) a melhoria da viabilidade socioeconómica e da sustentabilidade ambiental dos territórios vitivinícolas.

O projeto conta com um investimento elegível de 821.068,00 euros, a executar no período de Novembro 2016 a Agosto de 2019.