foto: Vinha
[Imprimir]

Pelo segundo ano consecutivo, a Região Demarcada do Douro acolheu o Seminário “A Geologia na Rota da Vinha e do Vinho na Região” que se realiza anualmente pelas diferentes regiões vitivinícolas do país, organizado pela Associação Portuguesa de Geólogos em colaboração com diversas Instituições como Universidades, Museus, Quintas, Adegas, etc. Este ano  integrou o conjunto de iniciativas da Semana dos Parceiros do “Roteiro das Minas e Pontos de Interesse Mineiro e Geológico de Portugal”.

O Seminário “A Geologia na Rota da Vinha e do Vinho na Região do Douro Superior”  decorreu no fim-de-semana de 07 a 09 de abril, em Torre de Moncorvo, Vila Nova de Foz Côa e Freixo de Espada à Cinta e incluiu conferências, debates, provas de vinho e visitas a espaços museológicos e quintas, assim como excursões de campo, onde se abordaram as relações existentes entre as caraterísticas geológicas e vitivinícolas da Região.

O Seminário contou com 60 participantes entre docentes do Ensino Secundário; Profissionais de Geologia, Enologia; Estudantes e Geoturistas e pretendeu promover e divulgar o património geológico, vinhateiro e paisagístico da Região do Douro Superior, bem como o seu património histórico, arqueológico e cultural. Abordou conteúdos temáticos multidisciplinares, inter-relações e interações entre Geologia, a Vinha e o Vinho, interpretando as paisagens da Região do Douro Superior, terminando com um magnífico passeio de barco no Douro Internacional com início e termo no Cais da Congida.