[Imprimir]

A Associação Académica da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (AAUTAD) vai organizar o Campeonato Mundial Universitário de Pentatlo Moderno em 2020, em conjunto com a Federação Académica do Desporto Universitário (FADU) e a Reitoria da UTAD.

Esta é a primeira vez que a AAUTAD organiza um evento desta magnitude à escala mundial.

Após uma candidatura bem-sucedida, em setembro do ano passado, a AAUTAD tem neste mundial um grande desafio organizativo, uma vez que se espera a presença de duas centenas de pessoas, entre atletas e delegações das universidades participantes.

O Pentatlo Moderno envolve cinco modalidades muito exigentes e díspares, são elas a esgrima, natação, equitação e tiro e corrida combinados.

“A FISU considerou que havia condições favoráveis à realização deste mundial em Vila Real, o que dá conta da confiança da FISU na nossa competência”, referiu o dirigente académico.

Na passada semana, uma comitiva com representantes da AAUTAD, da reitoria da UTAD e da FADU, marcaram presença na primeira edição do Campeonato Mundial de Pentatlo Moderno, que decorreu em Budapeste, capital da Hungria, onde receberam a bandeira que marca a passagem de testemunho para a organização do mundial 2020.

“Acredito que a AAUTAD, em conjunto com a FADU e a Reitoria vão mostrar o seu valor organizativo na realização do mundial de pentatlo, dando também a conhecer a magnífica região transmontana e duriense, que envolve a nossa academia”, afirmou António Vasconcelos.

Os espaços onde vão decorrer as várias provas ainda não estão totalmente definidos, mas António Vasconcelos refere o complexo desportivo da universidade a Nave dos Desportos, o Pavilhão de Desportos de Vila Real, havendo também a possibilidade de utilizar eventualmente o Centro Hípico das Pedras Salgadas. A nível de natação, e porque a prova exige uma piscina de 25 metros de cumprimento, a AAUTAD ainda está a estudar as possibilidades.

 

Fonte: AAUTAD

Legenda da foto:  Legenda: (Esquerda para a direita: Klaus Schormann (Presidente União Internacional de Pentatlo Moderno); Pedro Castro (Vice-Presidente FADU); Hilkka Pöyhönen (Comitê Executivo FISU); não consigo encontrar o nome mas é técnico da FISU; José Pinheiro aautad; João Ribeiro UTAD; Fiona Testuz (FISU)