[Imprimir]

No âmbito da Cátedra da UNESCO de “Geoparques, Desenvolvimento Regional Sustentável e Estilos de Vida Saudáveis”, a UTAD realizou, de 9 a 20 de julho, uma Universidade Internacional de Verão, traduzida numa formação educacional e vocacional avançada que reuniu participantes de vários países, entre os quais estudantes, investigadores, gestores e técnicos de autarquias.

Ao longo de duas semanas, decorreram seminários, workshops e visitas de campo a lugares emblemáticos da região, proporcionando conhecimento sobre o Geoparque Arouca, o processo de manufatura do Património Cultural Imaterial de Bisalhães, a Região Demarcada do Alto Douro – Património Mundial e o Caminho Interior para Santiago de Compostela.

Os participantes nesta Universidade de Verão puderam experimentar práticas inovadoras susceptíveis de confrontar os conhecimentos teóricos com realidades concretas, assim como boas práticas na gestão dos territórios e na implementação de iniciativas válidas com envolvimento das comunidades locais.

Entre os preletores, o evento contou com especialistas nacionais e internacionais renomados, destacando-se a figura de Inga Nichanian, responsável do Programa de Cátedras da UNESCO para a Europa e a América do Norte.