Foto: UTAD
[Imprimir]

Até dezembro de 2019, O UNI+i, projeto INTERREG POCTEP coordenado pela Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD) vai dar formação e acompanhamento a empreendedores e empresas de recente criação (até 3 anos de atividade), proporcionando o acesso a serviços de suporte empresarial especializados.

Este projeto, que pretende contribuir para a criação e o desenvolvimento de empresas inovadoras em setores estratégicos na área territorial abrangida pelo projeto (Norte de Portugal e Castela e Leão), incluindo as Ciências da Vida e da Saúde, o Ambiente, a Agroalimentação e Recursos Naturais e o Setor TIC e Engenharias, tem também a colaboração das Universidades do Porto e Salamanca,  dos parques científicos Regia Douro Park e da Universidade de Salamanca e da Associação Ibérica de Municípios Ribeirinhos do Douro.

O objetivo é fomentar as relações comerciais e tecnológicas nos setores estratégicos comuns, pelo que os empreendedores e as empresas terão também acesso a uma rede de apoio ao empreendimento inovador, que pretende auxiliar a relação dos mesmos com o tecido empresarial existente, com a administração pública e as universidades.

O projeto apoia atualmente 25 empreendedores e 28 empresas de recente criação, nos dois lados da fronteira, e estão abertas novas inscrições até 15 de novembro, podendo as mesmas ser realizadas através dos emails hmoreira@utad.pt oumarta.montenegro@regiadouro.com.

Os interessados deverão indicar no email os seguintes dados: nome, morada, NIF, telefone, formação académica, tipo (empreendedor ou empresa de recente criação), título do projeto, setor de atividade e breve descrição do projeto.

De novembro de 2018 a junho de 2019, os empreendedores terão acesso a visitas de estudo a empresas ou entidades que trabalham nos domínios abrangidos pelo projeto, sessões de coaching tecnológico (marketing digital e redes sociais, novas tendências tecnológicas e aplicações,..) e a um conjunto de 12 seminários versando temas como a promoção do espírito empreendedor, fiscalidade e segurança social, elaboração do plano da empresa, entre outros, decorrendo os seminários na UTAD e no Regia Douro Park.

As empresas inscritas e selecionadas serão alvo de duas entrevistas para avaliação da situação de partida e para apreciação do potencial competitivo (janeiro a março de 2019), sendo definidos planos de ação adaptados a cada empresa, elaborados em estreita colaboração com as mesmas (abril a junho de 2019). Terão também acesso a vários seminários temáticos e oficinas formativas.