[Imprimir]

A UTAD integrou o grupo de trabalho constituído pela Aliança Contra a Fome e a Má-Nutrição Portugal tendo em vista visa identificar com rigor a geografia da ajuda alimentar em Portugal.

Este grupo integra também outros membros da Aliança, como a Associação Portuguesa de Empresas de Distribuição, a Confederação Nacional de IPSS, a Federação de Indústrias Portuguesas Agroalimentares, a Federação Portuguesa de Bancos Alimentares, o Gabinete de Planeamento e Políticas do Ministério da Agricultura e a União das Misericórdias, bem como a Associação Nacional de Municípios Portugueses.

Os dados já recolhidos incluem a identificação e a localização de cerca de 2300 instituições de solidariedade que recebem ajuda e procedem à sua distribuição. Para efeitos de mapeamento, estes dados foram agrupados quantitativamente e serão apresentados por concelho, freguesia e localidade.

O tratamento e transposição dos dados para um mapa digital de Portugal foi feito pela UTAD, com a colaboração de José Aranha, docente e investigador nesta instituição. Numa segunda fase do projeto pretende-se recolher dados que deem informação sobre o número de beneficiários e o tipo de ajuda alimentar que recebem.

Recorde-se que a UTAD é membro fundador da Aliança Contra a Fome e a Má-Nutrição Portugal, sendo o seu envolvimento nesta organização e no projeto em causa parte do seu compromisso para o cumprimento da Agenda 2030 das Nações Unidas, nomeadamente do seu ponto 2, “Combate à fome e agricultura sustentável”.