[Imprimir]

A Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD) celebrou o Dia do Pensamento Crítico no dia 15 de maio, num evento realizado no âmbito do projeto europeu CRITHINKEDU, que a UTAD lidera, e que contou com a presença de mais de 150 estudantes, professores, profissionais de diferentes escolas secundárias, universidades, empresas e organizações das áreas da saúde, engenharia, turismo, entre outras.

O encontro consistiu numa espécie de “concurso de ideias”, tendo por base o uso de competências de Pensamento Crítico e Criativo na resolução de problemas reais, quer em contexto do quotidiano, quer em contexto do mercado de trabalho. Os objetivos passam por consciencializar os participantes para a importância do pensamento crítico e criativo no mundo atual, fomentar nos alunos a prática do pensamento crítico e criativo, de forma sistemática e estruturada, e apoiar na resolução de problemas reais e na tomada de decisão.

Com uma vertente muito prática, os mais de 30 grupos trabalharam problemas como o isolamento e a desertificação no interior, a inclusão das terapêuticas alternativas no serviço nacional de saúde, a viabilidade do aeroporto do Montijo, a publicidade invasiva e a privacidade online; entre outros temas, sugeridos por representantes de empresas presentes durantes os desafios.

As sessões da tarde foram dedicadas à apresentação de soluções e/ou tomadas de posição por parte dos grupos cooperativos e multidisciplinares de estudantes perante a audiência, tendo por base os problemas e as situações trabalhadas durante as sessões da manhã.

Informação o projeto CRITHINKEDU em: http://crithinkedu.utad.pt/pt/what-is-crithinkedu/