[Imprimir]

A UTAD em parceria com o Município de Vila Real, a Associação Académica da UTAD, REDE BIATAKI, PSP e GNR uniram-se para recolher beatas em vários pontos da cidade de Vila Real, na tarde de 9 de outubro. O objetivo foi “limpar as ruas e sensibilizar a comunidade para este problema”.

Esta ação de sensibilização ambiental foi lançada por Bernardo Leal e Teresa Catumba, antigos estudantes da UTAD e contou com cerca de 420 voluntários entre estudantes da UTAD e sociedade em geral, que se juntaram à iniciativa e recolheram “milhares” resíduos.

A beata de cigarro é o “objeto mais descartado do mundo” frequentemente espalhado pelo chão das ruas. O problema agrava-se quando este resíduo acaba nos oceanos e contamina água e solos. A problemática resultante da acumulação de beatas nos solos e águas tem vindo a ganhar maior importância, reconhecendo-se como “um problema ambiental que precisa de atenção e medidas preventivas urgentes”.