[Imprimir]

Decorreu na Aula Magna da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD), no dia 10 de fevereiro, o workshop “Ciência com Impacto – a Gestão Integrada de Fogos Rurais”, dirigido à comunidade científica, empresarial e institucional, que contou com a presença do Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor. A organização coube ao Laboratório Colaborativo ForestWISE, à Agência para a Gestão Integrada de Fogos Rurais (AGIF) e à Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT).

Na sessão de abertura, intervieram a Presidente da FCT, Helena Pereira, e o Presidente do Conselho Diretivo da AGIF, Tiago Oliveira, que traçaram, na perspetiva das duas entidades, os objetivos esperados para este debate, com a tónica na necessidade de abrir caminho a mais e melhores contributos da ciência portuguesa na resposta ao grande desafio do país na gestão integrada dos fogos rurais.

Por sua vez, na sua intervenção, o ministro Manuel Heitor realçou a necessidade de uma ampla participação de atores diversificados da sociedade portuguesa para que, na área da gestão dos fogos rurais, haja um efetivo impacto da ciência e do conhecimento. “Cada vez mais as estratégias da ciência aberta devem ser conjugadas com estratégias de participação de diferentes atores”, afirmou o governante, lembrando que “a ciência produzida em Portugal nesta área dos fogos florestais teve pouco impacto no passado”, sendo necessário que esteja “associada a um processo de diversificação de funções, de densificação do território com mais agentes nos processos de transferência e difusão do conhecimento”. Neste quadro, reconheceu a importância do Laboratório Colaborativo (CoLab), sediado na UTAD, o qual, pela transferência de saber e tecnologia, visa aumentar a gestão florestal sustentável e a competitividade do setor florestal.

Os vários pontos de vista sobre o impacto da ciência na gestão integrada dos fogos rurais mereceram depois um debate alargado com o contributo de diversos especialistas, representando centros de investigação e universidades do país. A sessão foi encerrada com as intervenções do Presidente do Conselho de Administração do ForestWISE, José Manuel Mendonça, e do Vice-Reitor da UTAD, Emídio Gomes.