[Imprimir]

Na noite do passado dia 26 de junho, os estudantes do 3º ano do Curso de Teatro e Artes Performativas da UTAD, no âmbito da unidade curricular Exercício Público de Interpretação, apresentaram na Aula Magna a peça “O Amor é Louco”, que a todos surpreendeu pela positiva, perante o talento cénico aí demonstrado.

O espetáculo resultou de uma adaptação de duas famosas peças de André Brun, (“A vizinha do lado” e “A maluquinha de Arroios”), num trabalho de dramaturgia e encenação da autoria de José Luís Oliveira, docente da referida unidade curricular, contando ainda com a direção musical de Paulo Pires e a direção vocal de Bel Viana.

Inicialmente programado para o grande auditório do Teatro de Vila Real, o espetáculo, em face das contingências a que o COVID-19 sujeitou aquele espaço, teve de ser reprogramado para a Aula Magna, o que obrigou a um enorme esforço de todos, a fim de que a apresentação não perdesse qualidade e as regras sanitárias fossem devidamente cumpridas.

O espetáculo juntou as duas peças de Brun em uma só, o que resultou num reforço do humor que é característico das mesmas. Os próprios estudantes/atores desdobraram-se desempenhando cada um duas personagens, o que implicou, no decorrer da peça, uma completa transformação física dos respetivos papéis. À boa maneira das comédias de enredo, ficou gravada neste evento uma nota muito promissora do talento destes jovens atores e do grande potencial do Curso de Teatro e Artes Performativas da UTAD.