[Imprimir]

Foi inaugurada, no dia 28 de julho, na Biblioteca Central, a exposição “Vale do Côa: singularidades de um território”, promovida pela Fundação do Museu do Côa e pela reitoria da UTAD. Nesta exposição, são apresentadas imagens sugestivas da arte rupestre milenar e bem como do património histórico e natural do extenso território abrangido pelo Parque Arqueológico do Vale do Côa. Quem a visita poderá também observar a reconstituição de parte de um acampamento paleolítico, inteirando-se do quotidiano das comunidades nómadas que habitaram esta região há 28 mil anos.

Na inauguração, estiveram presentes o reitor, António Fontainhas Fernandes, o presidente da Fundação do Côa, Bruno Navarro, e o vice-presidente da Câmara Municipal de Foz Coa, João Paulo Sousa, entre outras entidades. O reitor da UTAD destacou a importância da estreita relação da Universidade com a Fundação do Museu do Côa, numa estratégia de grande afirmação dos territórios do interior. No mesmo sentido, intervieram o vice-presidente da autarquia fozcoense e o presidente da Fundação, tendo este realçado o valioso contributo de vários docentes e investigadores da UTAD nos seus trabalhos em prol do território arqueológico do Coa, com especial referência a Domingos Lopes, vice-presidente da mesma Fundação.