[Imprimir]

“Não me Batas, meu Amor!”, peça de teatro da autoria de José Barbosa Machado, docente do DLAC/UTAD foi difundida pela rádio Chaves FM, tendo a elaboração, a encenação e a apresentação sido integrada numa campanha contra a violência doméstica, apoiada pelo Gabinete de Apoio à Vítima da Cruz Vermelha Portuguesa.

Do elenco fizeram parte Sérgio Machado (professor de educação física da Escola Secundária Júlio Martins, Chaves), Maria Joana Carvalho (Psicóloga) e Carla Cunha (colaboradora da Chaves FM). A encenação esteve a cargo de Manuela Raínho, da Universidade Sénior de Chaves.

“Não Me Batas, Meu Amor!” é uma peça de teatro num ato, que conta a história de Luciana, uma mulher maltratada pelo marido. Ana Rita, sua vizinha e confidente, procura apoiá-la e levá-la a reagir, mas ela, presa a um amor obsessivo pelo marido, não consegue fazer-lhe frente a ponto de mudar a situação. João Pedro, o marido, seguro dos seus direitos e do seu ascendente sobre a esposa, além de fazer dela uma criada, humilha-a, insulta-a e ameaça-a fisicamente. A peça procura retratar o tema da violência doméstica de uma forma burlesca e satírica, cumprindo a velha máxima de “ridendo castigat mores“.

 

Nota sobre o autor

José Barbosa Machado nasceu em São João do Souto, Braga, em 1965. Frequentou o Seminário Conciliar de Braga entre 1981 e 1986, tendo completado o 2.º ano de licenciatura em Teologia. Licenciou-se em 1992 pela Faculdade de Filosofia de Braga (UCP) em Humanidades. Em 1997, fez provas de mestrado na Universidade do Minho na área de Ensino da Língua e da Literatura Portuguesas. Entrou como assistente convidado para a UTAD em 1999, onde se doutorou em Linguística Portuguesa em 2002. Fez provas de Agregação na mesma universidade em 2009. Especializou-se em História da Língua Portuguesa, tendo a sua investigação incidido no Português Médio (séc. XV) e nos primeiros livros impressos em Língua Portuguesa. É autor de mais de 20 livros.