[Imprimir]

O Projeto ERASMUS+ S.I.L.V.HER ((Salvaguardar Valores Intangíveis e Culturais e HERitage) foi planeado para um período de dois anos e o principal objetivo era selecionar 30 estudantes de 3 universidades para frequentarem um curso criado de raiz por equipas multidisciplinares formadas por professores da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, Portugal, da Universidade de Bari, Itália, da Universidade de Pamukkale, Turquia, e da European Grants International Academy S.R.L. (EGInA também na Itália). O conteúdo foi colocado online pela Hellenic Open University (HOU), Grécia e foram criados três módulos, cada um de três ECTS (European Credit Transfer and Accumulation System). As aulas teóricas foram completadas com trabalho de projeto.

Apesar da COVID-19, o balanço é positivo: a maioria dos professores colaboradores experimentou pela primeira vez na sua vida todo o processo de criação de um curso online a partir do nada. Os estudantes foram expostos a todas as vantagens da aprendizagem baseada em projetos: foram constantemente desafiados a transformar o que tinham aprendido online em algo útil para o seu projeto. Para muitos deles, foi a primeira vez que tiveram de transformar a sua ideia em papel numa proposta empresarial real. Isso obrigou-os a trabalhar em equipa, a pedir conselhos externos, a organizar e comunicar as suas ideias, a aprender como funcionam as plataformas de crowd funding, a melhorar o seu inglês e, acima de tudo, a serem resilientes. Os grupos sobreviventes sentiram na pele que aqueles que persistem e se adaptam às novas circunstâncias podem ser bem-sucedidos.

Todos os parceiros concordaram sobre o valor intrínseco do curso e o seu potencial para futuras edições. Naturalmente, o material criado continuará disponível gratuitamente no website do projeto (https://www.silvher.eu/).