[Imprimir]

Foi pelas mãos de professores, funcionários e investigadores que, pelo terceiro ano consecutivo, a Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD) se associou à campanha de natal da associação Bagos D’Ouro. A solidariedade estendeu-se, ainda, à Liga Portuguesa Contra o Cancro e até hoje, Dia de Reis, decorre a angariação de bens para a Cruz Vermelha Portuguesa.

Como universidade que agrega e que se preocupa com o território, a UTAD tem uma forte tradição de acolhimento, manifestada pelo seu corpo docente, pelos seus funcionários e pelos seus alunos. Não foi, por isso, surpreendente a grande participação da comunidade académica, no seu todo, nestas campanhas natalícias. O Centro de Cultura e Responsabilidade Social abraçou esta tarefa com muito empenho e profissionalismo e os frutos desse empenho estão nos sorrisos de todas as crianças e jovens que puderam receber algo que recordarão para sempre”, salienta a Pró-Reitora para a Cultura, Comunicação e Imagem, Daniela Fonseca.

Em 2021, os encontros foram adiados, as rotinas interrompidas e os distanciamentos sociais repetiram-se, mas a Bagos D’Ouro voltou a desafiar os parceiros para uma campanha de doação de presentes para que 199 crianças e jovens carenciados da região duriense continuassem a acreditar na magia do Natal. De 24 de novembro a 10 de dezembro, os membros da academia transmontana apadrinharam o Natal de jovens entre os 12 e os 19 anos. Carregadas de embrulhos coloridos de diferentes formatos, as carrinhas da Bagos d’Ouro percorrem as estradas e os caminhos da região duriense para deixar um cabaz de Natal às famílias e uma lembrança a cada uma das crianças e jovens apoiados.

No campus da UTAD, decorreu ainda a angariação de fundos para a Liga Portuguesa Contra o Cancro – Núcleo Regional Norte, através da venda de rifas para o sorteio “Uma estrela”, e até dia 6 de janeiro, estão a ser recolhidos bens alimentares para a delegação de Vila Real da Cruz Vermelha Portuguesa.

 

Texto: Patrícia Posse

Fotografia: Direitos Reservados