Marcelo Rebelo de Sousa: “Graça Morais honra Portugal, não honra apenas a universidade que a vai doutorar Honoris Causa”

A voz do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, fez-se ouvir na Aula Magna da UTAD para sublinhar que “Graça Morais honra Portugal, não honra apenas a universidade que a vai doutorar Honoris Causa”. “Graça Morais prestigia Portugal cá dentro e lá fora e, por isso, envio-lhe um testemunho muito amigo do admirador, do académico, do cidadão e do presidente da República Portuguesa em nome de todos os portugueses”, frisou na sua mensagem.

Impossibilitado de estar presente na cerimónia Honoris Causa, o Presidente da República reconheceu que será  “sempre um académico” e, por isso, compreende bem a dimensão da atribuição deste título pela UTAD: “Como académico, eu tenho presente a importância fundamental de um Doutoramento Honoris Causa. É acolher no claustro dos doutores, daqueles que consagraram toda uma vida à pesquisa, à investigação, ao ensino e ao desenvolvimento servindo a comunidade, alguém que pelos seus méritos excecionais passa a ser equiparado a um doutor, porque o seu percurso foi diferente, mas vale tanto ou mais do que o percurso dos académicos”.

Perante o percurso artístico da pintora agora homenageada pela UTAD, o Presidente da República destacou o seu talento, criatividade, empatia, capacidade de comunicação e genuinidade. “Graça Morais é sempre aquilo que deve ser um grande artista plástico: alguém que reconhece o que há de fundamental na cultura do seu povo, junta a isso o ecumenismo, a universalidade e, sobretudo, o seu génio pessoal”, concluiu.

A cerimónia do Doutoramento Honoris Causa pode ser acompanhada, em direto, na emissão da UTAD TV.

 

Texto: Patrícia Posse