[Imprimir]

O Semanário “A Voz de Trás-os-Montes” escolheu a UTAD para celebrar os seus 75 anos de vida. O evento, que decorreu no auditório 1.10 da ECHS, no dia 10 de novembro, teve a presença do reitor da UTAD, Emídio Gomes, e da Secretária de Estado do Desenvolvimento Regional, Isabel Ferreira, entre outras entidades.

A sessão de abertura, contou com as palavras do presidente da ECHS, Carlos Assunção,  entre outras intervenções, ​e, por videoconferência, do Presidente da República e do Ministro da Cultura. Ao longo da tarde, decorreu ainda o debate sobre a “Imprensa Regional e os desafios do futuro”, moderado pelo diretor de A Voz de Trás-os-Montes, João Vilela, contando com contributos de Nuno Francisco (do Jornal do Fundão),  Pedro Jerónimo (docente da UBI), João Luís Campos (Diário de Coimbra), Patrícia Duarte (jornal Região de Leiria) e Giovanni Ramos (investigador da UBI).

Na sessão de encerramento, o reitor testemunhou o seu agrado por a Voz- de-Trás-os-Montes ter escolhido a UTAD para a realização deste evento: “Significa o quanto a UTAD representa para a Voz de Trás-os-Montes. (…). Acompanhando o percurso histórico da UTAD, primeiro o IPVR, depois IUTAD, sempre foi uma voz muito presente na defesa dos interesses da nossa instituição”. E manifestou ainda o desejo de que, “para quem cá estiver, quando chegar ao centenário, possa também ser festejado na UTAD”.

Por sua vez, a encerrar a sessão, a Secretária de Estado do Desenvolvimento Regional, começando por louvar a UTAD “como parceiro essencial para o desenvolvimento regional”, teve palavras de grande apreço para com a Voz de Trás-os-Montes, que reconheceu no seu papel relevante na defesa do território em que se insere. “Só a imprensa regional – destacou Isabel Ferreira – é capaz de tratar as especificidades associadas ao território e transmiti-las com alma, é a voz que chega a várias partes do globo através das comunidades portuguesas dispersas pelo mundo”.